terça-feira, 26 de maio de 2009

Alma gêmea


Alma gêmea

(A ausência que ganha vida no reencontro... )


Ouça-me, não diga nada...

Hoje eu vou dar voz aos sentimentos,
transformá-los em palavras,
deixá-los documentados,

Chegou a hora, de demonstrar
o que eu sinto,
o sentimento mais lindo,
a entrega mais segura,
a decisão mais sábia...

Somos a prova real,
do reencontro de duas almas,
que em verdade,
nunca se separaram totalmente.

A busca terminou...
À nossa frente, o futuro,
não mais incerto,
agora com certeza, eterno...


Sandra Ribeiro


2 comentários:

  1. Amigo Márcio, teu espaço é uma beleza.
    Desejo êxitos.

    Um abraço

    ResponderExcluir